HYLKA MARIA

Sucesso como amiga de Bibi, atriz desistiu da carreira no Brasil para viver no México

Divulgação/TV Globo

Hylka Maria em cena com Juliana Paes: amizade fiel por Bibi fez Alessia ser aceita na novela - Divulgação/TV Globo

Hylka Maria em cena com Juliana Paes: amizade fiel por Bibi fez Alessia ser aceita na novela

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 18/10/2017, às 05h29

Integrante de um dos núcleos mais populares de A Força do Querer, Hylka Maria tinha desistido da carreira no Brasil e tentava a sorte como modelo e atriz no México até receber o convite para viver a Alessia. Após o sucesso como a melhor amiga de Bibi (Juliana Paes), a atriz está de malas prontas para voltar ao México. Só não sabe se a viagem será definitiva.

"Eu preciso ir para o México de todo jeito, porque minha casa ficou lá. Tenho que definir minha vida. Só não decidi ainda se vou para lá, pego minhas coisas e volto para o Brasil ou se fico por lá mesmo", diz ela, que não esconde a preferência pelo país onde nasceu. "O coração adoraria estar sempre na minha terra, atuando na minha língua. Mas, caso não seja possível, eu tenho alma cigana."

Além de atriz, Hylka também é modelo de publicidade. Com o trabalho, já morou em países como China, Tailândia e México. A experiência no último foi tão boa que decidiu voltar para ficar. "Fui para lá pela primeira vez em 2013 e me receberam muito bem. A cultura é mais próxima da nossa. E tem um mercado audiovisual que me encantou, com muito potencial", explica.

Para emplacar como atriz de séries e filmes mexicanos, Hylka conciliava os trabalhos como modelo com um curso de prosódia, para perder o sotaque de Niterói que caiu tão bem em Alessia. "Se eu falasse como uma atriz mexicana, não ficaria taxada de estrangeira na hora de procurar papéis."

Curiosamente, o trabalho em A Força do Querer tem repercutido em vários países do mundo, inclusive no próprio México. "Meus amigos de lá podem ver a novela pela Globo Internacional. Eles estão aflitos, querendo saber o final. Mas também recebo mensagens de Moçambique, de Portugal... Acho que o sucesso da trama rompeu barreiras, a história está tocando corações no mundo todo", justifica. 

estevam avellar/tv globo

Alessia e Bibi tiram selfie com arma dos traficantes: perigosas, porém queridas pelo público

Ponta duradoura
Inicialmente, Alessia faria apenas uma ponta rápida na novela. Mas a repercussão da personagem e de Sabiá (Jonathan Azevedo) foi boa, e os personagens acabaram ficando e ganhando espaço.

"Eu vim para o Brasil para gravar quatro dias. Fiz uma malinha para ficar 12 dias, ia aproveitar e rever minha família. Mas estou aqui até hoje, meses depois. E sobrevivendo com essa malinha", lembra, aos risos.

O sucesso do núcleo da favela pegou os atores de surpresa, mas Hylka tem uma explicação _que passa longe da suposta glamourização do crime.

"Vem da identificação com a realidade, com as pessoas de classe média baixa. O texto da Gloria é construído de uma maneira realista, os diretores levam ao ar com uma estética quase documental. E a nossa atuação é pensada para não cair no estereótipo, queremos fazer de um jeito humano", valoriza.

A atriz de 32 anos também ressalta o bom humor dos personagens. "Apesar da escuridão, existe uma luz neles. O Sabiá é divertidíssimo. E a Alessia é barraqueira, mas também é muito fiel nessa amizade com a Bibi. Isso gera uma torcida", explica.

Como não teve tempo para fazer um laboratório para viver Alessia, já que desembarcou do México direto para o estúdio, Hylka precisou recorrer a conhecidas que moram em comunidades.

"Elas não necessariamente convivem com esses metiês do tráfico, mas me disseram como são essas pessoas. Como se vestem, se falam errado, como se comportam no baile. Fiz minha pesquisa de campo pelo telefone (risos)", conta ela, que também valoriza a participação de Jonathan Azevedo no processo. "Como ele é do Vidigal, está atualizado nas gírias, foi me passando."

Na reta final da novela, Hylka gravou na terça (17) as últimas sequências de Alessia. Mas, claro, não pode revelá-las. "Eu achava que essa coisa de cena secreta era papo de imprensa. Mas não é que existe mesmo? O roteiro chega na hora e pronto, vamos gravar!", revela, admirada.

Fã declarada da novela, ela diz que torce para que a justiça prevaleça. "Eu sou lugar-comum como telespectadora, quero ver o vilão se dando mal. Eu acho que alguém desses traficantes vai se ferrar muito. E o final da Alessia está muito atrelado ao do Sabiá, então só esperando para saber mesmo", desconversa.

Tudo sobre esta novela

Últimas de A Força do Querer

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Maratona heroica

Os atores Candice Patton e Grant Gustin em cena do crossover de heróis da DC - Divulgação/The CW A Warner exibirá na próxima sexta-feira (1º) a quarta edição do crossover anual do chamado Arrowverse, universo que engloba as séries Supergirl, Arrow, Flash e Legends of Tomorrow. Serão exibidos quatro episódios na sequência, um ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Você pretende assistir Apocalipse, nova novela da Record?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook