MEDO DE PATRULHA

Giovanna Antonelli é cortada de novela da Globo por não ter cara de baiana

João Miguel Junior/TV Globo

Giovanna Antonelli em Sol Nascente, novela em que era filha adotiva de um japonês - João Miguel Junior/TV Globo

Giovanna Antonelli em Sol Nascente, novela em que era filha adotiva de um japonês

DANIEL CASTRO - Publicado em 24/10/2017, às 06h36

Pressionada por patrulhas, a Globo decidiu cortar Giovanna Antonelli de sua próxima novela das nove, De Volta Para Casa. A atriz não fará mais o folhetim de João Emanuel Carneiro porque a emissora avalia que ela não tem aparência de baiana. Sua personagem seria a mulher do protagonista, um cantor de axé decadente, a ser interpretado por Emilio Dantas, o Rubinho de A Força do Querer.

Executivos da área artística da Globo chegaram à conclusão de que Giovanna (que pertenceu a uma família japonesa em Sol Nascente) é muito branca e "italiana" para incorporar uma morena tipicamente baiana. A emissora preferiu não correr o risco de ser acusada de embranquecer a Bahia.

Nas últimas semanas, a Globo tem sido alvo de campanha nas redes sociais, sob a hashtag #GloboLixo, pregando o boicote à sua programação. Os ataques foram motivados pela abordagem da transexualidade em A Força do Querer e por reportagens no Fantástico criticando a intolerância religiosa e as ameaças à liberdade de expressão em exposições e performances artísticas.

A resposta veio em uma nova campanha publicitária, lançada no domingo (22), em que a Globo alardeia que tem 100 milhões de telespectadores. "Uns gostam da gente. Uns dizem que não", afirma a peça publicitária.

Novela baiana
Substituta de O Outro Lado do Paraíso, De Volta Para Casa será ambientada em Salvador e na ilha de Boipeba, no litoral baiano. É na Bahia que a Globo enfrenta hoje uma das concorrências mais acirradas com a Record, durante o dia. Portanto, não fica bem querer agradar o Estado com personagens que não parecem baianos.

A trama principal da novela será sobre um cantor de axé que já foi um grande sucesso e está em decadência. Ele é dado como morto, o boato viraliza na internet e as vendas de seus CDs e vídeos explodem, como no auge da carreira. O cantor, então, decide se manter como morto e se refugia numa ilha, onde começa uma nova vida com outro nome.

Inicialmente, esse cantor seria interpretado por Cauã Reymond, mas o galã foi mal em testes de canto e rebolado e deixou a produção. Emilio Dantas foi escolhido para o papel. Giovanna Antonelli faria a mulher desse personagem. Ela seria mais velha e já teria dois filhos ao conhecer o cantor de axé.

A Globo já tem alguns nomes para substituir Giovanna, mas ainda não fechou com nenhuma atriz.

 

 

Últimas de Segundo Sol

Enquete

Qual protagonista de Deus Salve o Rei você mataria?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook