Novela das sete

Deus Salve o Rei: Constantino volta à trama e troca socos com Afonso na prisão

Artur Meninea/TV Globo

Constantino (José Fidalgo) e Afonso (Romulo Estrela) vão se enfrentar na pedreira da morte - Artur Meninea/TV Globo

Constantino (José Fidalgo) e Afonso (Romulo Estrela) vão se enfrentar na pedreira da morte

ODARA GALLO - Publicado em 11/04/2018, às 05h20

Afonso (Romulo Estrela) reencontrará um antigo inimigo após sua prisão na pedreira da morte. Constantino (José Fidalgo) voltará a Deus Salve o Rei e fará de tudo para infernizar o ex-príncipe, que cumprirá sua pena no local ao lado de Cássio (Caio Blat) e Tiago (Vinícius Redd). O herdeiro do trono de Montemor se irritará com a provocação e trocará socos com o vilão, mas será contido pelos guardas e sofrerá represália.

A traição do rei Otávio (Alexandre Borges) custará a liberdade de Afonso, que será mandado por Rodolfo (Johnny Massaro) a um local distante para prestar serviços forçados. Na pedreira, famosa por ser o lugar de onde ninguém sai vivo, o marido de Amália (Marina Ruy Barbosa) pedirá um pouco de água a outro prisioneiro e dará de cara com Constantino.

"Como vai, alteza?", cumprimentará o ex-noivo de Catarina (Bruna Marquezine), sarcástico. "Parece que viu um fantasma!", emendará ele. Frente a frente com o inimigo, Afonso se lembrará do embate deles quando a princesa de Artena foi sequestrada.

"Um fantasma seria melhor, pois certamente já estaria morto", responderá o ex-príncipe. "O destino gosta mesmo de pregar peças. Quem poderia dizer que o fim dos dias de Afonso de Monferrato seria em minha companhia?", comentará o personagem do português José Fidalgo.

"Eu não passarei o fim de meus dias em sua companhia, Constantino. Por uma simples razão: ao contrário de você, eu sairei daqui", disparará Afonso. "Aqui você não é melhor do que ninguém! É apenas um criminoso como outro qualquer", provocará Constantino.

"Dizem que quem foi rei nunca perde a majestade, mas acho que nem isso você ainda tem mais a perder, não é, alteza?", completará ele. O irmão de Rodolfo, então, se descontrolará e partirá para cima do inimigo.

"Uma coisa que nunca perdi foi a vontade de acabar com você", esbravejará, antes de acertar um soco na cara do rival. A luta entre eles será breve, e logo os guardas se aproximarão para acertar uma paulada nas pernas de Afonso e detê-lo.

Cássio verá a confusão e correrá para amparar o amigo. "Devia ter lhe avisado. Ele já estava aqui quando chegamos. Procuramos sempre evitá-lo", dirá o ex-comandante do exército de Montemor.

"Um facínora. Um homem capaz de trair um rei digno como Augusto [Marco Nanini], de sequestrar a própria noiva. Não sei por que ele está preso aqui, mas certamente motivos não devem faltar", constatará o mocinho.

O reencontro entre Afonso e Constantino irá ao ar no capítulo do dia 24 de Deus Salve o Rei.

 

 

Últimas de Deus Salve o Rei

Enquete

Com quem Clara deve terminar em O Outro Lado do Paraíso?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook