Gigantes

Fox negocia venda de estúdio de cinema e canais de TV para a Disney

Divulgação/FX

Sarah Paulson em American Horror Stroy, do FX; canal pode ser comprado pela Disney - Divulgação/FX

Sarah Paulson em American Horror Stroy, do FX; canal pode ser comprado pela Disney

REDAÇÃO - Publicado em 06/11/2017, às 17h56

O conglomerado de mídia 21st Century Fox negocia a venda do estúdio de cinema e de alguns de seus canais de TV, como FX e National Geographic, para a Disney. A notícia agitou o mercado financeiro na tarde desta segunda (6) e elevou o preço das ações de ambas as empresas. 

De acordo com reportagem da CNBC, canal financeiro da rede NBC, a ideia da família Murdoch, dona da 21st Century Fox, é focar seus negócios no jornalismo e em conteúdo esportivo, pois acredita que dessa forma pode ser mais competitiva no atual cenário econômico. Assim, a Fox se igualaria ao que faz a rival CBS, líder de audiência nos Estados Unidos.

O impacto maior da transação seria no mundo dos filmes, pois franquias bilionárias como Avatar e X-Men mudariam de casa. Além do estúdio de cinema, a Disney ficaria com canais de entretenimento, a unidade de produção de TV e empresas internacionais: Star TV (mercado asiático) e Sky (mercado europeu), entre outras.

Por leis contra monopólio, a Disney é proibida de controlar duas redes ou canais concorrentes em território norte-americano. Assim, a 21st Century manteria a rede de TV aberta Fox (a ABC é da Disney) e os canais Fox Sports (a ESPN é da Disney). Já as afiliadas da Fox, que têm força nos Estados Unidos, não são de interesse da empresa do Mickey Mouse.

Caso se concretize, a transação deixará a Disney ainda mais poderosa, principalmente na construção de sua própria plataforma de streaming, programada para ser lançada em breve, com o acervo completo de filmes e programas de TV.

Leia também

 

 

Enquete

Quem deve ter o pior final em Deus Salve o Rei?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook