LITERATURA NA TV

De Senhor dos Anéis a Extraordinário: sete livros para ver sem virar as páginas

Fotos: Divulgação

Julia Roberts e Jacob Tremblay são os astros do filme Extraordinário, que chega à TV paga - Fotos: Divulgação

Julia Roberts e Jacob Tremblay são os astros do filme Extraordinário, que chega à TV paga

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 21/02/2018, às 05h34

Ninguém questiona a importância da literatura, que envolve o leitor para um universo de papel. Mas, na correria do dia a dia, fica difícil ter tempo para ler calhamaços de páginas. Por sorte, livros de sucesso ganham adaptações para o cinema que não devem em nada à obra original. É o caso de Extraordinário, longa baseado no livro de R.J. Palacio que ainda está em cartaz nos cinemas e chega nesta quarta (21) à TV paga.

Para os fãs de fantasia, sagas como Harry Potter e Senhor dos Anéis também pularam do papel para a telona e arrecadaram bilhões de dólares. Voltado para o público adolescente, Divergente também construiu um universo próprio, em um futuro distópico no qual a população é dividida em cinco grandes grupos.

Quem gosta de filmes que façam pensar vai se deliciar com Laranja Mecânica. O diretor Stanley Kubrick adaptou toda a tensão e a violência do livro de Anthony Burgess para um clássico da sétima arte, indicado a quatro Oscars.

Já os menos puristas, que não se apegam tanto à obra original e gostam de uma adaptação mais livre, podem acompanhar dois trabalhos do diretor australiano Baz Luhrmann: Romeu + Julieta e O Grande Gatsby. Baseados nos clássicos de William Shakespeare e F. Scott Fitzgerald, respectivamente, os longas são repletos de cultura pop, música contemporânea e liberdade artística.

Confira sete filmes baseados em livros para ver sem precisar virar as páginas. Todas as obras estão disponíveis no Now, serviço de vídeo sob demanda para clientes da Net e da Claro TV:

O ator Malcolm McDowell vive um jovem violento, mas que ouve música clássica e bebe leite

Laranja Mecânica (1971)
O livro de Anthony Burgess (1917-1993) ganhou vida no cinema pelas mãos de Stanley Kubrick (1928-1999). Laranja Mecânica se passa no futuro e conta a história do delinquente Alex DeLarge (Malcolm McDowell), líder de uma gangue de jovens ultraviolentos, que brigam com rivais, estupram e matam. Até que DeLarge é capturado e passa por uma reabilitação que envolve tortura psicológica e física.

O filme foi indicado a quatro Oscars (inclusive melhor filme e diretor) e a três Globos de Ouro (filme, diretor e ator). O cuidado de Kubrick com a obra original foi tão grande que ele até colocou os jovens da gangue para falarem nadsat, língua inventada por Burgess na hora de escrever o livro.

Leonardo DiCaprio e Claire Danes no baile de fantasias de Romeu + Julieta: tragédia moderna

Romeu + Julieta (1996)
Um dos livros mais famosos do mundo ganhou uma adaptação contemporânea nas mãos de Baz Luhrmann, que seis anos depois seria indicado ao Oscar e ao Globo de Ouro por seu trabalho em Moulin Rouge! (2001).

A história de Romeu + Julieta segue o livro de William Shakespeare (1564-1616): filhos de famílias rivais, os jovens Romeu (Leonardo DiCaprio) e Julieta (Claire Danes) vivem um romance proibido que acaba em uma tragédia mortal.

Apesar de se passar em uma época contemporânea, o longa mantém os diálogos originais do livro e coloca os Montéquios e os Capuletos para falarem em inglês clássico, mesmo em meio a astronautas e armas semiautomáticas.

Fãs da série Friends (1994-2004) vão gostar de ver as participações de Christina Pickles (que viveu a mãe de Ross e Monica) e Paul Rudd (intérprete de Mike, par de Phoebe nas últimas temporadas).

Frodo (Elijah Wood), Gollum (Andy Serkis) e Sam (Sean Astin) em cena de O Senhos dos Anéis

O Senhor dos Anéis (2001-2003)
Um dos maiores clássicos da literatura de fantasia, que inspirou de Game of Thrones a jogos de RPG, o livro O Senhor dos Anéis parecia impossível de adaptar para o cinema. Até que Peter Jackson se ofereceu para a tarefa e conseguiu o aval da Warner Bros. para filmar a obra de J.R.R. Tolkien (1892-1973) como uma trilogia: A Sociedade do Anel (2001), As Duas Torres (2002) e O Retorno do Rei (2003).

O protagonista é Frodo Bolseiro (Elijah Wood), um jovem hobbit que encontra um anel poderoso (e desejado por heróis e vilões) e precisa se dirigir à perigosa Mordor para destruir o objeto antes que ele caia em mãos erradas. Para isso, conta com a companhia de novos e velhos amigos, humanos, elfos, anões e magos.

Juntos, os três filmes foram indicados a 30 Oscars e ganharam 17. O Retorno do Rei ganhou as 11 categorias a que estava concorrendo (inclusive melhor filme e diretor), juntando-se a Ben-Hur (1959) e Titanic (1997) no posto de longa mais vitorioso da história da premiação.

Harry (Daniel Radcliffe), Rony (Rupert Grint) e Hermione (Emma Watson): aventuras mágicas

Harry Potter (2001-2011)
Os sete livros da franquia Harry Potter, escritos pela britânica J.K. Rowling, ganharam as telas em oito longas lançados entre 2001 e 2011 e indicados a 12 Oscars. A história é sobre o jovem Harry Potter (Daniel Radcliffe), um menino criado pelos tios que descobre que é bruxo e conhece um mundo inteiramente novo e repleto de magia. Ao lado dos amigos Hermione (Emma Watson) e Rony (Rupert Grint), ele tem várias surpresas e enfrenta muitas ameaças.

Os filmes arrecadaram US$ 7,7 bilhões (R$ 24,9 bilhões) na bilheteria mundial e se tornaram a terceira franquia mais lucrativa da história (atrás apenas dos heróis da Marvel e de Star Wars). Como a própria J. K. participou ativamente da produção dos longas, a fidelidade das obras aos livros impressiona.

Gatsby (Leonardo DiCaprio) em uma de suas festas: na década de 1920, trilha contemporânea

O Grande Gatsby (2013)
Jay Gatsby (Leonardo DiCaprio) é um bilionário que, na Nova York da década de 1920, brilhava com suas festas que paravam a sociedade da época. Os eventos, porém, aconteciam apenas para que o playboy tentasse recuperar o amor de Daisy Buchanan (Carey Mulligan), sua ex-amante que o trocou pelo melhor amigo de Gatsby, Tom (Joel Edgerton).

Dirigido por Baz Luhrmann, O Grande Gatsby chama a atenção por sua trilha sonora contemporânea, que inclui músicas de Jay-Z, Beyoncé, Lana Del Rey e Fergie. Apesar disso, a cineasta Eleanor Lanahan, neta do escritor F. Scott Fitzgerald (1896-1940), disse que seu avô ficaria orgulhoso da adaptação. O longa ganhou dois Oscars: design de produção e figurino.

Zoë Kravitz (à esq.), Shailene Woodley, Theo James, Ansel Elgort, Maggie Q e Miles Teller

Divergente (2014-2016)
Antes de brilhar na série Big Little Lies, a atriz Shailene Woodley virou estrela da franquia Divergente, que teve três filmes lançados entre 2014 e 2016. As adaptações dos livros de Veronica Roth contam a história de Tris (Shailene), uma jovem que abandona a própria família para morar em outro grupo e começa a descobrir que a sociedade em que vivem é uma grande farsa.

A trama de Divergente (2014), Insurgente (2015) e Convergente (2016) é extremamente fiel aos livros de Veronica. E, mais do que isso, contam com um elenco de peso: além de Shailene, participam dos filmes figurinhas do Oscar como Kate Winslet, Naomi Watts e Octavia Spencer, além de atores conhecidos por séries como Maggie Q (de Nikita), Tony Goldwyn (Scandal) e Daniel Dae Kim (Lost).

Jacob Tremblay (de capacete) com Owen Wilson, Izabela Vudovic e Julia Roberts no filme

Extraordinário (2017)
O livro de R.J. Palacio que botou muito leitor para chorar também provocará lágrimas em quem assistir à adaptação. Extraordinário conta a história de Auggie (Jacob Tremblay), menino com uma síndrome que provoca deformações na face e que, depois de passar anos dentro de casa, precisa enfrentar o mundo real quando vai para a escola pela primeira vez. Vítima de bullying, ele não se deixa abalar e segue otimista na busca por amigos que não liguem para sua aparência.

O longa conta com Julia Roberts e Owen Wilson na pele dos pais de Auggie, que sentem a dor de ver o filho sofrer por algo que foge de seu controle. A brasileira Sonia Braga também aparece como a avó do menino, uma figura importante para a irmã dele, Via (Izabela Vidovic), sempre em segundo plano dentro de casa por causa dos cuidados com Auggie.

Sucesso mundial, com uma bilheteria quase 15 vezes maior do que o seu orçamento, Extraordinário também concorre ao Oscar de melhor maquiagem deste ano.

Notícias da TV Recomenda

Extraordinário

Extraordinário

Ficha técnica: Wonder. EUA, 2017, 113 min. Direção: Stephen Chbosky. Elenco: Jacob Tremblay, Julia Roberts, Owen Wilson, Izabela Vudovic, Sonia Braga. Disponível no Now.

Sinopse: Auggie (Tremblay) nasceu com uma síndrome que deforma o rosto. Mesmo com o bullying na escola, ele não perde a esperança e conquista a todos com sua alegria.

Por que assistir: Depois de brilhar em O Quarto de Jack (2015), Jacob Tremblay volta a emocionar e prova que é um dos grandes talentos da próxima geração.

Assista agora no NOW

 

 

Enquete

O que você está achando de Segundo Sol?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook