Nando Cunha

Fora do ar, ator critica escassez de papéis para negros: 'Falta oportunidade'

Ramón Vasconcellos/TV Globo

Nando Cunha no Programa do Jô em 2015, uma de suas últimas aparições na Globo - Ramón Vasconcellos/TV Globo

Nando Cunha no Programa do Jô em 2015, uma de suas últimas aparições na Globo

REDAÇÃO - Publicado em 27/04/2017, às 10h44

O ator Nando Cunha fez um desabafo sobre a dificuldade de trabalhar na televisão. Sem papéis na Globo desde 2015, ele publicou um texto no Facebook em que explica que, apesar de ser cobrado pelo público e de ter vontade de atuar em produções televisivas, isso não está em suas mãos. O ator de 50 anos critica o fato de negros serem incluídos apenas em núcleos limitados nas novelas e séries. 

"Muita gente me pergunta na rua quando voltarei às novelas. Respondo sempre que não depende de mim. O que falta é oportunidade", escreveu Cunha. "Assim que nós, negros, deixarmos de ser vistos como núcleos (núcleo de favela/núcleo dos suburbanos) e passarmos a ser vistos como atores normais, assim como foi no filme Moonlight [2017], com certeza teremos muito mais oportunidades", discursou.

O ator recebeu mais de 380 curtidas e muitos comentários de apoio de seus seguidores, que também questionam a escassez de personagens negros na teledramaturgia.

O último papel de Cunha em uma novela foi em 2014, em Geração Brasil. O ator ficou conhecido na TV por seus papéis cômicos, principalmente pelo personagem malandro e cara de pau Pescoço, de Salve Jorge (2012). Seu último trabalho foi no fracassado humorístico Tomara Que Caia, em 2015.

Atualmente, o ator está em cartaz no teatro, no Rio de Janeiro. Ele faz parte do elenco da comédia Oi, Quer Teclar?, no qual contracena com Josie Pessoa e Hugo Moura.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Três É Demais

Jodie Sweetin (centro) como Stephanie em Fuller House, reboot de Três É Demais - Divulgação/Netflix A atriz Jodie Sweetin, que viveu a Stephanie na série Três É Demais (1987-1995) e repete a personagem em Fuller House, confessou nunca ter visto um episódio completo da atração em que atuou quando era ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Quem é seu jurado preferido do The Voice?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook
Click Click