DETIDO EM PERNAMBUCO

Fábio Assunção desperdiça mais uma chance oferecida pela Globo

Rafael Campos/TV Globo

Fábio Assunção durante coletiva de lançamento de A Fórmula, realizada no dia 20 deste mês - Rafael Campos/TV Globo

Fábio Assunção durante coletiva de lançamento de A Fórmula, realizada no dia 20 deste mês

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 24/06/2017, às 12h44 - Atualizado às 16h00

Um dos principais galãs da televisão na década de 1990, Fábio Assunção desperdiçou mais uma oportunidade que recebeu da Globo para reconstruir sua imagem. O ator foi detido no sábado (24) em Arcoverde, no sertão de Pernambuco, acusado de desacato à autoridade e dano ao patrimônio público. A prisão acontece 12 dias antes da estreia de A Fórmula, série da qual é protagonista. A confusão envolvendo o ator certamente tira o foco do lançamento da nova produção.

Assunção estava em Pernambuco para o lançamento do documentário Samba de Coco, que ele fez em parceria com a namorada, a atriz pernambucana Pally Siqueira. Em vídeo que circula na internet, ele aparece visivelmente alterado, dentro de uma viatura policial com o vidro traseiro quebrado. Aos berros, xinga um policial e diz que não é criminoso.

Vídeo mostra Assunção na viatura com vidro quebrado

Em outro vídeo, o ator está caído no chão, cercado por moradores, que alegam que ele acabou com a alegria da festa de São João da cidade. Testemunhas alegam que Assunção estava bastante alcoolizado. A polícia de Arcoverde teria sido chamada justamente porque o ator estaria descontrolado e provocando a população durante a festa.

O problema é que essa não é a primeira vez que Assunção deixa os problemas da vida pessoal afetarem sua carreira profissional. Em 2008, ele foi afastado de Negócio da China no meio da novela, "por motivos de saúde". Na época, foi flagrado pela Polícia Federal recebendo uma encomenda de cocaína, chegava atrasado às gravações e não respeitava seus compromissos profissionais.

No ano seguinte, falou ao Fantástico sobre sua dependência química. "Demorei a aceitar que tinha um vício e esse é o primeiro passo. O caminho é aceitar e pedir ajuda. Eu tinha medo de ser criticado e visto como uma referência negativa", revelou ele, que disse ter passado cinco meses internado em uma clínica de reabilitação.

A Globo deu outra chance a Assunção com a minissérie Dalva e Herivelto - Uma Canção de Amor (2010), na qual interpretou o compositor Herivelto Martins. A aposta deu certo e Fábio foi indicado ao Emmy Internacional de melhor ator. Depois, passou cinco anos em Tapas & Beijos (2011-2015).

Na volta às novelas, como protagonista de Totalmente Demais, voltou a dar problema: faltou a algumas gravações e, no meio da novela, teve três acidentes: primeiro, fez um corte profundo em um dos dedos da mão esquerda e passou por uma cirurgia de cinco horas; depois, rompeu um tendão da mão e precisou engessar o braço; por fim, quebrou o pé, o que forçou a produção da novela a alterar os textos para que gravasse sentado.

A Globo perdoou o ator por todos os problemas e deu segundas, terceiras e quartas chances para ele _como informou o jornalista Ricardo Feltrin, do UOL, a emissora se ofereceu até para bancar o tratamento do ator. A paciência da direção da emissora, porém, certamente tem um limite.

Fábio Assunção foi solto após pagar fiança e se disse envergonhado. Procurada pelo Notícias da TV, a assessoria da Globo não se pronunciou sobre o caso até a conclusão deste texto.

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

GNT erótico

Imagem da propaganda de Desnude, que propõe: 'Não manda nudes. Manda texto' - Reprodução/GNT O GNT quer ouvir histórias eróticas de suas telespectadoras e transformá-las em uma série. O canal está desenvolvendo o projeto Desnude, que terá dez episódios: nove de ficção, baseados em depoimentos sobre sexo enviados pelo ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Qual é a solução para o drama de Alice em Os Dias Eram Assim?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook
Click Click